COMUNICADO – INICIATIVAS JUDICIAIS

Após reunião de hoje do grupo de trabalho em que estiveram presentes o Banco de Portugal, CMVM, BES, Representante do Governo e representantes da AIEPC, vem esta última reiterar o seguinte :

Que presentemente e por cautela, a concretização de iniciativas judiciais, como por exemplo Notificações Judiciais Avulsas, é aconselhável para salvaguarda de direitos jurídicos e melhor aproveitamento da estrutura global da solução que está a ser construída.

spacer